Como é realizado o diagnóstico da comunicação interna nas empresas?

Como é realizado o diagnóstico da comunicação interna nas empresas?

A comunicação interna nas empresas é tão importante quanto a externa, pois os colaboradores são os responsáveis pela produção dos produtos, prestação de serviços e atendimento aos clientes. Ou seja, são eles que representam a organização perante os públicos externos, sendo, portanto, parte importante da imagem da empresa.

Por isso, fazer um diagnóstico para saber como desenvolver corretamente a comunicação interna na empresa é tão importante e, para isso, alguns tópicos devem ser seguidos.

Continue conosco e saiba como realizar um diagnóstico da comunicação interna em uma empresa!

Analise o perfil do público interno

O primeiro passo para fazer um diagnóstico da comunicação interna nas empresas é analisando o público interno, ou seja, descobrir o que essas pessoas pensam e como elas se comportam.

Cabe destacar que uma mesma empresa pode ter diferentes perfis de público, como pessoas mais velhas e jovens que estão entrando no mercado de trabalho agora.

Também podem haver divergências de perfil em diferentes setores, com as pessoas que fazem parte da linha de produção terem pensamentos diferentes do pessoal do escritório, por exemplo. Tudo isso precisa ser levado em consideração.

Faça uma avaliação geral da comunicação interna

A comunicação interna também precisa ser avaliada de modo geral. Isso quer dizer que precisam ser avaliados os canais utilizados para isso, quem são os responsáveis por esse trabalho etc.

Como comentamos, podem haver perfis de público diferenciados entre os funcionários. Dessa forma, a comunicação não pode ser padrão e deve ser adaptada para cada um deles.

Analise os conteúdos divulgados pela empresa

Que tipos de conteúdo a sua empresa divulga em seus canais de comunicação interna? São apenas informações gerais como as normas e regras da empresa ou também outros tipos de publicações que podem gerar engajamento?

A ideia é reestruturar revistas, blogs e outros canais internos para que tragam conteúdo relevante, dicas e até mesmo cobertura de acontecimentos relevantes para os colaboradores tais como casamento, nascimento de filhos, formaturas etc. Isso gera mais proximidade entre organização e público interno, tornando a comunicação mais eficiente.

Verifique a força dos canais de comunicação utilizados

Todos os canais de comunicação interna precisam ser mapeados: murais, caixa de sugestões, revistas e jornais internos, blogs e TV corporativa. Os meios utilizados para divulgar mensagens e publicar conteúdos para o público interno são muitos, mas nem todos são eficientes para todas as organizações.

De acordo com o seu perfil de público, você pode definir se vale mais a pena ter uma revista semanal com notícias da empresa ou enviar uma newsletter por e-mail para os colaboradores, por exemplo.

Avalie a influência do clima e da cultura organizacional

O clima e a cultura organizacional influenciam diretamente a comunicação. Como você deve saber, só podemos chamar de efetiva uma comunicação de via de mão dupla, ou seja, em que o receptor das mensagens dá feedback sobre a mensagem que recebeu.

Para estimular que isso aconteça, a cultura e o clima organizacional precisam ser positivos. A fim de mensurar isso, fazer uma pesquisa é fundamental. Com base nos resultados da pesquisa de clima, se poderá definir que rumos dar às estratégias.

Conseguiu entender como é realizado o diagnóstico da comunicação interna nas empresas? Esperamos que nosso conteúdo tenha sido útil para você!

E, para divulgar essas informações para mais pessoas, que tal compartilhar este artigo em suas redes sociais? Afinal esse assunto é de interesse de todo o meio empresarial.

Relacionado

No Comments

Post A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.